ESTUDO DA GESTÃO DOS RESÍDUOS TEXTEIS EM UMA INDÚSTRIA NA CIDADE DE TAQUARITINGA-SP E PROPOSTA PARA O REAPROVEITAMENTO SUSTENTÁVEL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.52138/citec.v15i1.295

Palavras-chave:

Indústria têxtil. Gestão de resíduos. Sustentabilidade. Impactos ambientais.

Resumo

A indústria têxtil tem um grande potencial poluidor, pois em todo o processo produtivo, desde a fabricação dos insumos ao produto, há algum impacto ambiental associado, como poluição de corpos hídricos, solo e ar. Portanto, trata-se de um assunto que envolve a participação de entidades governamentais, para a regulamentação das atividades do setor de acordo com as normas e leis ambientais vigentes; da área acadêmica, a qual se interessa por avaliar esses impactos e desenvolver métodos e técnicas para mitigá-los; e dos cidadãos em geral, considerando a responsabilidade compartilhada entre fabricantes e os envolvidos na cadeia produtiva, de forma integral. Isto ainda é uma meta a ser alcançada quando se busca melhorias ambientais. A reciclagem e incineração são algumas das opções empregadas pela indústria têxtil no gerenciamento dos seus resíduos. Desta forma, o objetivo deste trabalho consiste em analisar o gerenciamento dos resíduos sólidos de uma indústria têxtil situada na cidade de Taquaritinga, interior de São Paulo, comparando os resultados com os da literatura, a fim de propor soluções ambientais mais sustentáveis. E, sugerindo soluções socioeconômicas, tal como a reutilização desses materiais a fim de beneficiar a população local em situação de vulnerabilidade, fomentando a inclusão no mundo do trabalho, emprego e geração de renda.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALMEIDA, Érica Janaina Rodrigues de; DILARRI, Guilherme; CORSO, Carlos Renato. A indústria têxtil no Brasil: Uma revisão dos seus impactos ambientais e possíveis tratamentos para os seus efluentes. BOLETIM DAS ÁGUAS, Departamento de Bioquímica e Microbiologia, Universidade Estadual Paulista (UNESP), p. 1-18, 2016.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10004:2004. Resíduos sólidos - Classificação. Rio de Janeiro: ABNT, 2004.

BRASIL. Lei nº 12.305, de 02 de agosto de 2010. Institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos; altera a Lei no 9.605, de 12 de fevereiro de 1998; e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2010.

BRANSKI, Regina Meyer; FRANCO, Raul Arellano Caldeira; LIMA JUNIOR, Orlando Fontes. Metodologia de estudo de casos aplicada à logística. In: XXIV ANPET Congresso de Pesquisa e Ensino em Transporte, 2010, p. 2023-10. Disponível em: https://lalt.fec.unicamp.br/scriba/files/escrita%20portugues/ANPET%20-%20METODOLOGIA%20DE%20ESTUDO%20DE%20CASO%20-%20COM%20AUTORIA%20-%20VF%2023-10.pdf. Acesso em: 07 dez 2023.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

GRANDO, Fernanda Schnorr et al. Reciclagem de resíduos têxteis: uma revisão. Brazilian Journal of Development, v. 8, n. 8, p. 57050-57067, 2022.

INSTITUTO BRASILEIRO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS (IBAMA). Tabela completa de FTE (Fator de Transmissão de Energia).2019. Disponível em: https://www.ibama.gov.br/phocadownload/qualidadeambiental/relatorios/2009/2019-03-06-Ibama-Tabela-FTE%20-completa.pdf. Acesso em: 25 jul. 2023.

MARTINS, Andressa Gomes et al. Os impactos ambientais causados pela indústria têxtil. Revista Interfaces, v. 15, n. 10, 2023.

MENEGUCCI, Franciele et al. Resíduos têxteis: Análise sobre descarte e reaproveitamento nas indústrias de confecção. In: CONGRESSO NACIONAL DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO, n. 11, 2015, Rio de Janeiro. Anais[...]. Rio de Janeiro: UFF, 2015. P 1-12. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Leticia-N-Marteli/publication/318930023_Residuos_texteis_Analise_sobre_descarte_e_reaproveitamento_nas_industrias_de_confeccao/links/598628010f7e9b6c853492b4/Residuos-texteis-Analise-sobre-descarte-e-reaproveitamento-nas-industrias-de-confeccao.pdf. Acesso em: 06 dez. 2023.

PESSOA, Claudinéia de Souza. Gestão de resíduos têxteis gerados em indústrias de confecções de Cacoal, 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Administração) – Fundação Universidade Federal de Rondônia, Cacoal, 2018.

PUENTE, Beatriz. Brasil descarta mais de 4 milhões de toneladas de resíduos têxteis por ano. ano? Disponível em: https://www.cnnbrasil.com.br/economia/brasil-descarta-mais-de-4-milhoes-de-toneladas-de-residuos-texteis-por-ano/. Acesso em: 25 jul. 2023.

SANTOS, Natalia Gonçalves dos; REBELO, Láisa; VIANA, Dianne Magalhães. Um estudo sobre reciclagem e reutilização de resíduos têxteis. In: IX ENSUS Encontro de Sustentabilidade em Projetos, n. 9, 2021, Florianopolis. Anais[...] Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2021. p. 471-482. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Natalia-Santos-11/publication/359931517_um_estudo_sobre_reciclagem_e_reutilizacao_na_industria_textil_do_vestuario/links/625704859be52845a90083e1/um-estudo-sobre-reciclagem-e-reutilizacao-na-industria-textil-do-vestuario.pdf. Acesso em: 07 dez 2023.

SOUZA PEREIRA, Gislaine de et al. Estudo comparativo entre o impacto ambiental resultante da fabricação de malha 100% algodão e com fios reciclados. Revista Espacios, v. 37, n. 22, p. 26, 2016.

TONIOLLO, Michele; ZANCAN, Natália Piva; WÜST, Caroline. Indústria têxtil: Sustentabilidade, impactos e minimização. In: VI Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental, n. 6, 2015, Porto Alegre, Anais [...]. Porto Alegre: IBEAS, 2015. p. 23-26. Disponível em: https://www.ibeas.org.br/congresso/Trabalhos2015/V-029.pdf. Acesso em: 07 dez 2023.

ZONATTI, Welton Fernando. Estudo interdisciplinar entre reciclagem têxtil e o design: avaliação de compósitos produzidos com fibras de algodão. 2013. Dissertação (Mestrado em ciências) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013.

Downloads

Publicado

2023-12-12

Como Citar

CUNHA, Gislaine Aparecida; DE SOUZA, Maria A. E. da Silva; DA SILVA, Wellington Rodrigo Nunes; DA SILVA, Renata Dantas; DE SOUZA, Leonardo dos Santos. ESTUDO DA GESTÃO DOS RESÍDUOS TEXTEIS EM UMA INDÚSTRIA NA CIDADE DE TAQUARITINGA-SP E PROPOSTA PARA O REAPROVEITAMENTO SUSTENTÁVEL. Ciência & Tecnologia, [S. l.], v. 15, n. 1, p. e15111, 2023. DOI: 10.52138/citec.v15i1.295. Disponível em: https://publicacoes.fatecjaboticabal.edu.br/citec/article/view/295. Acesso em: 20 abr. 2024.